Roleta da sorte

31.9 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 22 junho, 2022
InícioCENÁRIO POLÍTICOAL-MT"Início das obras da ferrovia Rondonópolis-Cuiabá é vitória da sociedade organizada", afirma...

“Início das obras da ferrovia Rondonópolis-Cuiabá é vitória da sociedade organizada”, afirma Avallone

Deputado estará em Rondonópolis na próxima segunda-feira (27) para o lançamento oficial das obras
CENÁRIOMT

“O dia 27 de Junho entrará para a história de Mato Grosso, marcando o início efetivo das obras da ferrovia ligando Rondonópolis a Cuiabá. A luta de Vicente Vuolo, da Assembleia Legislativa, do governo do estado, da classe política, do empresariado e da sociedade organizada para trazer os trilhos até a capital é vitoriosa, abrindo novas perspectivas de desenvolvimento para a baixada cuiabana e todo o estado”, afirmou o deputado Carlos Avallone (PSDB).

A Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) emitiu, no último dia 13, a primeira licença de instalação (LI) para a construção dos primeiros 8,67 km da ferrovia estadual. Para a liberação houve a análise técnica do setor de licenciamento e vistorias presenciais de equipes ao local. A licença também foi referendada pelo Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) em março deste ano, após audiência e consulta pública à sociedade.


--Continua depois da publicidade--

A licença permite que a concessionária Rumo S/A comece na próxima segunda-feira (27) a instalação dos primeiros trilhos a partir do Parque Industrial Intermodal de Rondonópolis. Outras licenças serão emitidas para cada trecho da ligação com Cuiabá e, posteriormente, com Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, na região médio-norte. O investimento previsto é de R$ 12 bilhões para a construção dos 740 km da ferrovia e dos terminais.

Presidente da Comissão de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Recursos Minerais, que participou das audiências públicas e continuará fiscalizando o respeito à legislação ambiental durante toda a obra, Avallone lembrou que a Assembleia Legislativa tem sido protagonista no processo de implantação da ferrovia Senador Vicente Emílio Vuolo.

A primeira ferrovia estadual do país foi viabilizada legalmente graças a uma proposta de emenda à constituição de autoria dos deputados Carlos Avallone e Eduardo Botelho (DEM). A PEC 16/2020 alterou a Constituição de Mato Grosso possibilitando concessões ferroviárias dentro do estado.

“Foi esta PEC que permitiu a criação desta ferrovia estadual e assegurou as condições legais para que o governo do Estado fizesse a licitação. É uma obra fundamental para o escoamento da nossa produção, reduzindo custos e aumentando a competitividade dos produtos. E o que é melhor, a construção de um ramal até a capital vai impactar positivamente a economia dos municípios da baixada cuiabana, gerando empregos e a prestação de vários tipos de serviços agregados ao modal”, disse Avallone.


--Continua depois da publicidade--

O deputado ressaltou também que está trabalhando para assegurar que os milhares de novos postos de trabalho sejam preenchidos preferencialmente pela população da baixada e demais municípios na área de influência da ferrovia.

A previsão é de geração de 58 mil empregos diretos e indiretos por ano. Ao final da construção da nova linha e terminais, a previsão é de que sejam criados um total de 235 mil novos postos de trabalho.

“Por isso, ao receber a proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias, aumentamos de 10 mil para 100 mil o número de vagas nos programas de capacitação em 2022. Da mesma forma, vamos ampliar as capacitações para 2023. Não seria justo que estes empregos fossem preenchidos por mão-de-obra de fora, quando temos graves problemas sociais e alto índice de desemprego especialmente na Baixada Cuiabana”, ressaltou Avallone.

Governo, Assembleia, Fiemt, Famato e Fecomércio trabalharão em parceria para viabilizar estas qualificações para que possamos gerar emprego e renda e melhorar a qualidade de vida da população, informou o deputado.

Projeto de expansão

O projeto da Ferrovia Vicente Emílio Vuolo prevê um corredor logístico ligando os municípios de Rondonópolis, Cuiabá e Lucas do Rio Verde, passando por outros 13 municípios: Jaciara, Juscimeira, Dom Aquino, São Pedro da Cipa, Campo Verde, Santo Antônio de Leverger, Santa Rita do Trivelato, Planalto da Serra, Rosário Oeste, Nova Roleta da sorteândia, Primavera do Leste, Poxoréo e Nova Mutum.

Rebeca Moraeshttp://brightgiftideas.com
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

ESPORTE E CULTURA
Grupo Alcateia prepara terceira edição da Copa Nortão de Capoeira para julho
junho 22, 2022
Lucas do Rio Verde
Projeto “Movimenta” chega a Lucas do Rio Verde nesta quinta-feira (23)
junho 22, 2022
Lucas do Rio Verde
Prefeitura e forças de segurança organizam Semana Nacional de Políticas Sobre Drogas
junho 22, 2022
RGA E OUTRAS REIVINDICAÇÕES
Duas escolas de Lucas do Rio Verde aderem à paralisação estadual nesta quarta-feira (22)
junho 22, 2022
〖Bacará ao Vivo 〗〖google ganhos online 〗〖Seu guia no mundo dos esportes 〗〖As apostas mais confiáveis na loteria〗〖Bet with bet365 〗〖Preço mais recente do Bitcoin 〗〖AFUN - Melhor site de apostas〗〖Liga Portugal 〗〖Códigos de apostas 〗〖google ganhos online 〗〖Sites de apostas mais seguros 〗〖Bundesliga 〗〖Prévia de apostas de futebol 〗〖Quando começa a Copa do Mundo de 2022 〗〖Jogos de azar 〗〖Melhores casas de apostas do Brasil 〗〖Itens de apostas de futebol 〗〖Apostas Esportivas 〗〖Loteria De Animales 〗〖negociação de criptomoedas 〗〖Prognósticos de futebol 〗〖Onde apostar em jogos de futebol 〗〖Apostas na Internet de futebol 〗〖As melhores dicas de apostas para o futebol hoje 〗〖Preço mais recente do Bitcoin 〗〖Apostas na loteria esportiva móvel 〗〖Roleta 〗〖Bundesliga 〗〖Bacará ao Vivo 〗〖Futebol Ao Vivo Online 〗